Histerossalpingografia para investigação das causas da infertilidade

O que é a histerossalpingografia?

A histerossalpingografia é um exame de raio-X utilizado para investigar as causas da infertilidade da mulher.  No procedimento, o médico pode visualizar a forma e a estrutura do útero e saber se existem malformações ou cicatrizes, bem como verificar se há algum bloqueio nas trompas.

Principais indicações

  • Infertilidade feminina.
  • Abortos repetidos.
  • Miomas.
  • Pólipos.
  • Reversão de laqueadura.

Como é feito?

A paciente se deita em posição ginecológica. O médico insere o espéculo vaginal. Em seguida, um cateter é inserido no colo do útero, e através dele é injetado o contraste. Durante o procedimento, que dura de 15 a 20 minutos, o médico pode pedir que a paciente mude de posição. Após o exame, a paciente está liberada para suas atividades diárias.  Pode haver algum desconforto durante o procedimento.

Diferencial CURA

No CURA, a histerossalpingografia é realizada por médicos experientes e capacitados, o que traz ainda mais tranquilidade, conforto e segurança durante o procedimento. Além disso, utilizamos um cateter com contraste aquecido, que causa o mínimo de dor e desconforto.  Aplicamos também o contraste não iodado, que tem o menor risco de reações alérgicas.

Vantagens

  • Único exame capaz de visualizar as trompas e a cavidade uterina.
  • Procedimento realizado em alguns minutos.
  • Pouco invasivo.
  • Paciente pode retomar suas atividades no mesmo dia.

Contraindicações

  • Gestantes ou pacientes com suspeita de gestação.
  • Pacientes no período menstrual.
  • Pacientes com infecções pélvicas.
  • Pacientes com histórico de alergia ao contraste.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *