Melhores resultados no tratamento de doenças cerebrais

Técnicas avançadas de ressonância magnética

Respostas confiáveis são essenciais quando fazemos exames. Imagina então, por exemplo, para alguém que tem uma suspeita de tumor cerebral ou que já fez a cirurgia, o tratamento e agora precisa saber se resolveram o problema.

Um conjunto de técnicas avançadas de ressonância magnética permite obter essas e outras respostas com precisão para casos complexos, informa o Dr. Renato Sartori de Carvalho, neurorradiologista e radiologista de cabeça e pescoço, que atende no CURA Imagem e Diagnósticos.

RM de crânio com perfusão

No exemplo citado, a técnica utilizada é a ressonância magnética de crânio com perfusão, que determina com clareza a área acometida e o melhor local para coletar material para biopsia. No caso de um paciente que já passou por uma cirurgia ou tratamento, indica se essas condutas foram eficazes ou se é necessário tomar mais alguma providência, como mudanças no planejamento quimioterápico ou radioterápico ou até se deve ser feita uma nova cirurgia.

Se for realizada em até seis horas após um acidente vascular cerebral (AVC) agudo ou hiperagudo, essa mesma técnica permite avaliar se é possível atuar com medicação, ao redor do centro do AVC, em áreas chamadas de “penumbra”, para reduzir a gravidade das sequelas a fim de oferecer uma melhor qualidade de vida ao paciente.

Técnicas da difusão

Há ainda as técnicas da difusão, que ajudam a saber se estruturas vizinhas a um tumor estão e quanto estão infiltradas ou se estão salvas, e a espectrografia, que permite distinguir em alguns tipos de tumor sua agressividade. Segundo Dr. Sartori, são informações fundamentais para direcionar o que deve ser feito e o nível de urgência.

No CURA Imagem e Diagnósticos, esses exames podem ser realizados 24 horas, todos os dias. O serviço conta com seis equipamentos modernos e sua equipe é composta de neurorradiologistas e radiologistas de cabeça e pescoço, com apoio de biomédico. Os exames podem ser realizados em pessoas de todas as idades, de bebês a idosos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *